Iníco / Alimentação e Saúde / A PLANTA QUE CURA O CÂNCER, CONTROLA O DIABETES E FORTALECE A IMUNIDADE

A PLANTA QUE CURA O CÂNCER, CONTROLA O DIABETES E FORTALECE A IMUNIDADE

O uso medicinal do melão-de-são-caetano (Momordica charantia) é amplo e conhecido em vários países.

Ele cresce bem em climas úmidos e quentes e pode ser encontrado principalmente na Ásia e América do Sul.
 
Este melão tem um gosto extremamente amargo (por isso também é conhecido como “melão amargo”) e seu formato lembra um pepino “acidentado”.
 
Foi provado que alguns de seus componentes naturais são capazes de tratar e curar o câncer.

 
O principal descobridor e divulgador dos incríveis poderes desta fruta é o dr. Frank Shallenberger, especializada em tratamentos anti-envelhecimento e em medicina alternativa no Nevada Center of Alternative & Anti-Aging Medicine, Estados Unidos.
 
Ele afirma que esta fruta milagrosa inibe o crescimento de células de câncer de forma eficaz.
 
De acordo com suas descobertas, uma solução de 5% de suco de melão-de-são-caetano pode lutar contra o câncer e derrotá-lo.
 
Suas pesquisas revelaram que esta fruta destrói celulares de 90 a 98% das células cancerosas.
 
O seu efeito foi examinado na Universidade do Colorado e os resultados mostraram uma redução de 64% no tamanho dos tumores.
 
A dose utilizada foi de seis gramas de pó do melão-de-são-caetano para um adulto de porte médio (75 quilos).
 
Segundo o dr. Shallenberger, “Os grandes laboratórios e companhias farmacêuticas buscam encontrar petroquímicos patenteáveis que obtenham o mesmo resultado que Deus colocou nesse vegetal e ficam boquiabertos como uma planta tão despretensiosa consegue desnutrir o câncer sem precisar de nenhuma química complexa”.
 
Portanto, esta pesquisa só confirmou os benefícios e a ação poderosa do melãozinho (o outo nome como a fruta é conhecida). 
Além disso, esta fruta também desempenha um grande papel no tratamento da infecções da pele, sintomas de diabetes, asma, hipertensão e problemas de fígado e estômago.
 
Estes são os mais importantes benefícios à saúde do melão-de-são-caetano:
 
– Ele limpa e desintoxica o fígado, alivia a dor gota e estimula a circulação sanguínea
 
– Seu suco aumenta a imunidade e eleva e resistência do corpo contra infecções
 
– Melhora a digestão
 
– Excelente para controlar o diabetes, pois reduz o açúcar no sangue
 
– Acelera o metabolismo e, ao mesmo tempo, alimenta e purifica o fígado, protegendo-o do álcool e de outras substâncias tóxicas
 
– O consumo regular de seu suco ajuda a aliviar infecções fúngicas, micoses, pé de atleta e psoríase
 
– Melhora a acuidade visual e alivia o problema de visão, pois é abundante em betacaroteno
 
– Quando consumido regularmente, aumenta a resistência e o nível de energia
 

COMO FAZER O CHÁ

 
Use 5 colheres (sobremesa) para 1 litro de água.
 
Ferva a água, acrescente as folhas, desligue o fogo, tampe a panela e espere esfriar.
 
Beba de 2 a 3 xícaras por dia.
 
Se não encontrar a planta fresca, compre as folhas secas em lojas de produtos naturais.
 
Coloque 1 litro de água para ferver.
 
Quando ferver, coloque 1 colher (sopa) da erva e desligue o fogo.
 
Tampe e deixe a solução abafada por cerca de 10 minutos.
 
Em seguida, é só coar e beber. 
 
Tome de 2 a 3 xícaras por dia.
 
O fruto pode ser comido ou transformado em sucos, mas não se deve exagerar.
 

Contraindicações

 
Nunca deve ser consumido em grande quantidade.
 
Seu consumo em qualquer dosagem é proibido para gestantes ou para as mulheres que estão tentando engravidar, pois é abortivo.
 
Também devem ser tomados muitos cuidados no caso de pacientes que estejam amamentando e crianças.

*Notícias sobre tratamentos caseiros, não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

FONTE: CURA PELA NATUREZA

Compartilhar isso:

Sobre Max Rangel

Servo do Eterno, Casado com Arlete Vieira, Pai de 2 filhas, Analista de Sistemas, Fundador e Colunista do site www.religiaopura.com.br.

Além disso, veja também:

EM DEFESA DO DR. LAIR RIBEIRO – IVANDÉLIO SANCTUS

Relacionado

Dr. Lair Ribeiro e a Luta Contra Falsas Estatísticas

Relacionado

Deixe uma resposta