Iníco / Ellen White / Críticas de Michelson Borges fizeram crescer consultas e vendas da Bíblia White

Críticas de Michelson Borges fizeram crescer consultas e vendas da Bíblia White

Michelson Borges postou o artigo contra a Bíblia White no dia 11 de abril, nós o repostamos em 12 de abril, demonstrando que havia evidente descaso pelo trabalho de seus tradutores e patrocinadores. Posteriormente, o próprio Daniel Silveira publicou que acessos do site cresceram depois de nossa divulgação:

A Comoção da Bíblia White

O jornalista da CPB, Michelson Borges, lançou em seu site privado uma matéria de Davi Boechat desacreditando a seriedade da Bíblia White. Posteriormente, comentou também em vídeo. Abaixo a resposta de Daniel Silveira:

Agradeço a Davi Boechat pelo artigo sobre a Bíblia White. Foi ótimo ter publicidade gratuita: as visitas em nosso site alcançaram um récorde. Considerando que Bíblia White ainda nem saiu do prelo, a comoção é considerável e dá uma ideia do quanto a iniciativa inédita está incomodando.

A propósito, a Bíblia está toda paga e a gráfica deu o prazo de 26 de abril para a entrega em Capitólio, sexta-feira. Mas para prevenir o risco de atrasar e entrar nas sagradas horas do sábado, remarcamos para domingo 28 de abril. A postagem para vocês queridos da pré-venda, será por ordem de encomenda.

EGW: “Cada contestação, cada censura, cada calúnia será um meio nas mãos de Deus para provocar curiosidade e despertar os espíritos que, de outro modo, continuariam adormecidos.” […]  CI 345.1

EGW: “O fato de não haver controvérsias ou agitações entre o povo de Deus, não devia ser olhado como prova concludente de que eles estão mantendo com firmeza a sã doutrina. Há razão para temer que não estejam discernindo claramente entre a verdade e o erro. Quando não surgem novas questões em resultado de investigação das Escrituras, quando não aparecem divergências de opinião que instiguem os homens a examinar a Bíblia por si mesmos, para se certificarem de que possuem a verdade, haverá muitos agora, como antigamente, que se apegarão às tradições, cultuando nem sabem o quê.”  TS2 311.3

Apesar do protagonista do artigo ter dito algumas inverdades que não preciso refutar, a análise foi uma crítica objetiva, não um ataque pessoal. E pesquisou na fonte.

Reconheço que sou leigo, amador. Não segui os protocolos dos eruditos, tampouco sou versado em línguas mortas.

Quanto a Michelson Borges, continuo admirando sua sobriedade. Quero crer que ele está sinceramente enganado. Me consta a informação que ele teve aulas de mestrado em teologia com Amim Rodor e outros exponentes da nova teologia, isso até certo ponto o ofusca para não reconhecer a beleza do verdadeiro evangelho, a saber, libertamento dopecado (Rm 1:5, Mt 1:21). Esse é o motivo porque não recomendo ninguém a estudar teologia com os acadêmicos institucionais. Considere EGW: “A educação das escolas dos rabis, no entanto, tê-lo-ia incapacitado [João Batista] para sua obra. Deus não o mandou aos mestres de teologia para aprender a interpretar as Escrituras. Chamou-o ao deserto, a fim de aprender acerca da natureza, e do Deus da natureza.” DTN 60.2, na Bíblia White comentando Marcos 1:3.

Assim diz o Senhor: “Ninguém se engane a si mesmo; se alguém dentre vós se tem por sábio neste mundo, faça-se louco para se tornar sábio.” “Porque a loucura de Deus é mais sábia que os homens; e a fraqueza de Deus é mais forte que os homens.” 1Co 3:18 e 1:25

Fraternalmente, Daniel Silveira, das montanhas de Capitólio MG.

Fonte: http://www.congressomv.org/a-comocao-da-biblia-white/

Sobre Max Rangel

Servo do Eterno, Casado com Arlete Vieira, Pai de 2 filhas, Analista de Sistemas, Fundador e Colunista do site www.religiaopura.com.br.

Além disso, veja também:

PORQUÊ NUNCA DEVEMOS CHAMAR UMA CRIANÇA DE “MOLEQUE”!

Michelson Borges e Eduardo Lutz 100% refutados pela Bíblia! #aterraéplana

Assista a todos os vídeos e posicione-se ao lado da verdade bíblica.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.