Iníco / Como nos dias de Noé, Anjos caidos, Nefilins / Leitor que se diz Leigo critica interpretação bíblica de Gênesis 6 e desafia Editor

Leitor que se diz Leigo critica interpretação bíblica de Gênesis 6 e desafia Editor

Adam_and_Eve_in_Garden_Michelangelo-1024x986

Embora a argumentação do leitor seja repetitiva em muitos pontos que já discutimos aqui, nossa resposta virá logo abaixo. Primeiro, veja a íntegra do comentário do leitor, escrito em resposta ao artigo Gigantes Nefilins: Filhos de “anjos caídos” ou descendentes de Sete?:

Essa teologia é heresia pura. Se pensar que os anjos são capazes de ter relação sexual com seres humanos, logo eles foram criados com capacidade de procriação e isso requer anjo masculino e anjo feminino. Então o céu não foi povoado pela criação de todos os anjos e sim pela fecundação de um anjo com uma “anja”.

Se uma anjo caído foi capaz de fecundar uma mulher e gerar uma nova descendência, porquê só foram capazes de fazer isso uma única vez (antes do dilúvio), perderam o órgão genital angelical foi?

Se a causa do dilúvio fosse essa trepação angelical decaída Deus teria mandado o dilúvio também para os demônios e não somente para os seres humanos. Ou Deus foi injusto na sua sentença?

Se uma anjo caído fosse capaz de fecundar uma mulher, Satanás seria o primeiro a se embrenhar por essa vereda provendo-se de Eva, quando esta provou do fruto proibido e aquele a levou a pecar contra Deus. Ou você acha que ele seria capaz de respeitar o matrimônio de Adão? Que anjos caídos comportados são esses que casaram com mulheres solteiras virgens? Será que foi para não se macularem cometendo adultério?

Essa crença entra em contradição com a repreensão de Jesus Cristo aos saduceus quando disse:” Não provem o vosso erro de não conhecerdes as Escrituras, nem o poder de Deus?” (aliás o seu erro é querer saber demais – aquilo que não te foi revelado) “…Quando ressuscitarem… nem se casarão, nem se darão em casamento; são como os anjos nos céus… Laborais em grande erro.” Mar. 12: 24, 25 e 27. Ou seja Jesus disse que os anjos são diferentes em sexualidade quanto aos homens da terra.

Quero ver se você terá hombridade de publicar meu comentário e contradizer as ponderações de um leigo. — Adevaldo, enviado em 11/11/2014 as 18:07.

Resposta do Editor:

“Essa teologia é heresia pura.”

Se o irmão entende heresia (do latim haerĕsis, por sua vez do grego αἵρεσις, “escolha” ou “opção”) como uma doutrina ou linha de pensamento contrária ou diferente de um credo ou sistema de um ou mais credos religiosos que pressuponha(m) um sistema doutrinal organizado ou ortodoxo, somos hereges não apenas nesse ponto. Somos “hereges” porque não aceitamos qualquer credo, tradição ou sistema de doutrinasm formulado como lista definitiva e oficial de crenças, como aconteceu com as 28 doutrinas fundamentais da Igreja Adventista.

Nossa única regra de fé e prática é a mensagem de Deus contida nos diferentes livros da Bíblia. Essa era também a posição dos pioneiros adventistas.

Em 1861, numa reunião em que os primeiros sabatistas organizaram sua primeira Associação estadual, John Loughborough enfatizou o problema que os pioneiros viam na formulação de um credo. De acordo com ele, “o primeiro passo para a apostasia é estabelecer um credo e dizer que devemos crer nele. O segundo é fazer desse credo um teste de discipulado. O terceiro é provar os membros por esse credo. O quarto passo é denunciar como heréticos aqueles que não crêem no credo. E, quinto, persegui-los por isso.” (Perceba que o irmão já realizou o quarto passo dessa lista!)

Em resumo, até aceitamos ser qualificados pelo irmão como “heréticos”, porque rejeitamos a imposição de qualquer credo oficial que se sobreponha à Bíblia. Mas se nos classifica como heréticos porque imagina que nos desviamos da Bíblia, está enganado. No que se refere a Gênesis 6, conforme já demonstramos em dezenas de artigos publicados, antibíblicas são as teorias setista e a da suposta realeza.

“Se pensar que os anjos são capazes de ter relação sexual com seres humanos, logo eles foram criados com capacidade de procriação e isso requer anjo masculino e anjo feminino.”

Antes de imaginar que anjos sejam uma espécie de seres espirituais muito diferentes de nós humanos, convém lembrar que o termo “anjo” designa unicamente uma função exercida entre o Céu e a Terra, ou mesmo entre o Céu e outros planetas. Na Bíblia, “anjo” é função, grave bem isso. A palavra “anjo” vem do grego angelus (ἄγγελος) “mensageiro”. E no hebraico, o termo é malakl; também “mensageiro” ou “emissário”.

Enquanto exercem a função de mensageiro ou emissário, os seres celestes que permanecem leais a Deus não fazem sexo. É como podemos entender as palavras de Cristo, citadas pelo irmão mais adiante. Nada impediria que essa função de mensageiros fosse desempenhada por seres femininos, além dos masculinos. Tanto é que entre os anjos das imagens de escultura da Associação Geral e os anjos da série de televisão adventista vêem-se seres masculinos e femininos, atuando como anjos.

Não sabemos se seres celestes femininos foram também expulsos do Céu, juntamente com Satanás. Mas todas as vezes em que a Bíblia registra a presença ou visita de anjos no ambiente terrestre, estes são vistos com aparência masculina, sem asas, agindo e até comendo como humanos e podendo inclusive ser confundidos conosco. Alguns podem ter hospedados anjos em casa sem o saber, segundo a Bíblia.

Em resumo, acreditamos que o casamento é uma instituição divina, digna também do ambiente celeste e, portanto, não haveria impedimento para que seres celestes, que não estejam em missão especial para Deus, possam constituir família e se reproduzir, assim no Céu como na Terra ou qualquer outro planeta. Afinal, na casa de nosso Pai, existem muitas moradas!

Então o céu não foi povoado pela criação de todos os anjos e sim pela fecundação de um anjo com uma ‘anja’.
Essa é uma conclusão sua, não sugerida nem jamais defendida por nós.

Se uma anjo caído foi capaz de fecundar uma mulher e gerar uma nova descendência, porquê só foram capazes de fazer isso uma única vez (antes do dilúvio), perderam o órgão genital angelical foi?

Leia sua Bíblia com mais atenção, irmão. Gênesis 6 diz que houve “nefilins”, criaturas híbridas resultantes do cruzamento de anjos caídos com fêmeas humanas, antes e depois do Dilúvio. Esses gigantes violentos habitaram Canaã e regiões próximas, tendo Deus ordenado que fossem perseguidos, expulsos e mortos por Israel, incluindo suas fêmeas e descendentes. Golias, morto por Davi como um animal, era um deles, mas houve muitos outros. Eles se espalharam pelo mundo todo, dando origem a outras civilizações. O Dr. Rodrigo P. Silva, arqueológo adventista, foi ao Sudão e localizou evidências da existência de uma tribo desses gigantes guerreiros na região do deserto.

Se a causa do dilúvio fosse essa trepação angelical decaída Deus, teria mandado o dilúvio também para os demônios e não somente para os seres humanos. Ou Deus foi injusto na sua sentença?

A Bíblia diz em Judas e 2 Pedro, que os anjos caídos que participaram desse ataque às fêmeas humanas foram acorrentados e estão isolados num lugar ou dimensão chamada na Bíblia de “abismo”. Lembra-se do episódio em que demônios pediram a Jesus que não os mandasse para o abismo mas permitisse-lhes apoderarem-se da manada de porcos próxima? Já leu no Apocalipse que no fim dos tempos o abismo será novamente aberto?

Cremos que o irmão não deve ignorar também os muitos relatos de intervenção supostamente “divina” (dos deuses) ou “alienígena” na história de nações de todos os continentes, nos quais estão sempre presentes registros de acasalamento alienígena-humano seguido pela geração de “semideuses”, que se tornaram heróis renomados para o povo. Há muitos documentários em vídeo sobre isso.

“Se uma anjo caído fosse capaz de fecundar uma mulher, Satanás seria o primeiro a se embrenhar por essa vereda provendo-se de Eva, quando esta provou do fruto proibido e aquele a levou a pecar contra Deus. Ou você acha que ele seria capaz de respeitar o matrimônio de Adão?”

Concordamos plenamente com o que diz, irmão. E percebemos que não está longe da verdade… Satanás tem semente, segundo a Bíblia, e possibilidade de vir a ter descendência. Afinal, o próprio Deus prometeu que colocaria inimizade entre o descendente da mulher e os descendentes do Diabo. Entre os intérpretes judaicos antigos, suspeitava-se inclusive que o tal fruto proibido tenha produzido algum tipo de reação genético-sexual em Eva, que alegou ter sido mais do que “enganada” pela serpente. “Seduzida” é o termo que usa, no hebraico.

Pode parecer estranho imaginar isso, mas a Bíblia diz que, tão logo comeram do fruto, Adão e Eva se viram nus e se envergonharam do que haviam feito.

Pela resposta de Deus à crise, surgem perguntas: Teria Eva engravidado de Satanás e gerado a Caim, imaginando que viesse da parte de Deus? A promessa de que Deus iria pôr rivalidade entre a semente do Diabo e de Eva, parece confirmar essa possibilidade de o Diabo produzir descendentes. Além disso, os evangelhos e as epístolas fazem referência aos filhos da ira, filhos do diabo e ao Filho da Perdição (Anticristo).

Por que Deus disse a Eva que o desejo dela deveria ser só para o Seu marido dali para frente? Por que a oferta de Caim foi rejeitada sem que houvesse qualquer regulamentação anterior de sacrifícios mencionada na Bíblia? Para ele, não haveria salvação eterna, apenas existência tolerada? Quem são aqueles cujos nomes não estão no Livro da Vida? A parábola do joio e do trigo, contada por Jesus, poderia ser melhor entendida nessse contexto?

De Caim, diz-se que “era do Maligno”. E o Maligno é o pai de todos os mentirosos, homicida desde o princípio. Houve também pessoas a quem Jesus afirmou: Vós tendes por pai o diabo… A primeira dúvida lançada a Cristo por Satanás na tentação foi: Se você é filho de Deus… Em ocasião posterior, Jesus afirmou que o Príncipe deste mundo nada tinha nele…

Quanto a nós, todos temos de nascer de novo e receber a Cristo para que sejamos feitos “filhos de Deus” outra vez.

“Que anjos caídos comportados são esses que casaram com mulheres solteiras virgens? Será que foi para não se macularem cometendo adultério?

Quanto a essa idéia de virgindade das vítimas da sedução dos anjos caídos, não sabemos exatamente de onde a tirou, Quanto ao adultério, mesmo que não as houvessem possuído literalmente, já o teriam cometido por olharem para elas com intenção impura. Não é preciso ser humano para cometer adultério. “…qualquer que atentar numa mulher para a cobiçar, já em seu coração cometeu adultério com ela.” Mateus 5:28.

O sétimo mandamento do Decálogo, que proíbe o adultério, vigora tanto no Céu quanto na Terra. É proibido também aos anjos, o adultério, o que evidencia a possibilidade de o cometerem. Ou você acha que o sétimo mandamento será substituído no Decálogo celeste?

“Essa crença entra em contradição com a repreensão de Jesus Cristo aos saduceus quando disse:” Não provem o vosso erro de não conhecerdes as Escrituras, nem o poder de Deus?” (aliás o seu erro é querer saber demais – aquilo que não te foi revelado) “…Quando ressuscitarem… nem se casarão, nem se darão em casamento; são como os anjos nos céus… Laborais em grande erro.” Mar. 12: 24, 25 e 27. Ou seja Jesus disse que os anjos são diferentes em sexualidade quanto aos homens da terra.

Em relação à resposta de Jesus aos saduceus, já nos referimos acima e em outras oportunidades. Os anjos no éu não se casam, o que não impede que anjos caídos, expulsos do Céu, o façam.

Veja também:

Quero ver se você terá hombridade de publicar meu comentário e contradizer as ponderações de um leigo.

Está publicado e respondido, irmão.

Compartilhar isso:

Sobre Max Rangel

Servo do Eterno, Casado com Arlete Vieira, Pai de 2 filhas, Analista de Sistemas, Fundador e Colunista do site www.religiaopura.com.br.

Além disso, veja também:

ATLÂNTIDA : O Mundo Sepultado

Relacionado

O RETORNO DOS ANJOS CAÍDOS

Relacionado

Deixe uma resposta