Iníco / Artigos / Novo desafio a Rodrigo Silva: Responder com deboche e ameaça videozinho do Thiago Lima é fácil, queremos ver responder aos vídeos dos irmãos da WLC!

Novo desafio a Rodrigo Silva: Responder com deboche e ameaça videozinho do Thiago Lima é fácil, queremos ver responder aos vídeos dos irmãos da WLC!

O dublê de arqueólogo e guia turístico na Terra Santa, Rodrigo Silva, fez nova aparição no You Tube, desta vez com o evidente duplo objetivo de (1) tentar fazer com que esqueçamos por um tempo de sua desastrosa tentativa de retratação quanto a ter dito que os escritores bíblicos eram terraplanistas e de (2) destacar-se como paladino da defesa denominacional, digno de convites para palestras com passagens de avião e hospedagem em hotel de luxo pagos pelas igrejas mais chiques da IASD ou mesmo por instituições não-adventistas que se deslumbrem com subcelebridades do meio religioso brasileiro.

Desta vez, ele entra em cena arrotando [sic] que um YouTuber com complexo de Messias — Thiago Lima — ousou desafiar a liderança adventista, classificando-a como mercenária, e alegando que os membros estariam sendo enganados ao serem levados a guardar o sábado como sétimo dia da semana, enquanto se sabe que o ciclo semanal pode ter se quebrado nas mudanças de calendário e não considerando o papel da Lua Nova na identificação do início da sequência semanal a cada mês, como faziam os judeus.

Rodrigo Silva diz não estar certo de que estaria glorificando a Cristo ao participar desse debate, mas que por respeito aos irmãos que o questionaram iria tentar esclarecer os fatos, sem se dirigir diretamente ao desafiante Thiago Lima. Nesse ponto, começa a falácia e argumentação mentirosa que está se tornando peculiar aos defensores do adventismo, como Rodrigo Silva, Leandro Quadros e Michelson Borges.

Primeiro que Thiago Lima não lançou desafio algum, apenas fez um alerta aos adventistas que viessem a ter contato com esse vídeo no seu canal. Segundo, se não estava convencido de que essa é a maneira de glorificar a Cristo, Rodrigo Silva nada deveria ter dito. Mas o dublê de apresentador e convidado de programas ecumênicos de tevê, simula invadir o campo mesmo sem ter sido escalado, alegando que “não pode ficar calado, porque se não falar nada, parece que a igreja nao tem resposta.”

Começam então os deboches em relação ao youtuber, denominados “Dez Razões porque Eu Discordo de Você, Thiago Lima”:

Primeiro, o dublê de arqueólogo e agora também na versão psicólogo, Rodrigo Silva, diagnostica o oponente imaginário como portador de uma suposta síndrome messiânica. Fala dele como um louco desses famosos denunciadores da internet, que veem conspiração em tudo, da Nasa, dos Iluminatti, que se acham os donos da verdade, perseguidos pelas forças do Mal, arrogantes, etc, na descrição do arqueólogo de plantão com tempo para atender até programas com traço de audiência em nível nacional.

Logo depois, Rodrigo Silva traz a novidade de que o quarto mandamento só estará em vigor para valer, quando for sancionado um decreto dominical de alcance mundial, que obrigue a guarda do domingo em lugar do sétimo dia da semana. Até lá, o que vale não é a disposição para obedecer a Deus custe o que custar, mas apenas a sinceridade:

“Estou plenamente convicto que devemos guardar o sabado, mas eu sei que Deus tem muitos filhos sinceros em todas as igrejas hoje, que nao guardam o sábado. E e se eles morrerem hoje, sinceros e em Cristo, vão para o mesmo paraíso que eu vou, mesmo sem ter guardado o sábado, porque nao é o sábado que salva,” afirma.

E para os outros mandamentos, Dr. Rodrigo, vale o mesmo critério? Pode-se ter mais de um Deus (Trindade), adorar imagens de escultura como aquelas da Associação Geral, levar o nome de remanescente de Deus em vão, desonrar pai e mãe, matar, adulterar, roubar, dizer inverdades sobre o próximo, cobiçar coisas e a mulher do próximo? Vale tudo, se for feito com sinceridade?

Melhor pararmos por aqui, para o texto não ficar tao longo e entediante quanto seu vídeo. Contudo, fazemos questão de registrar que não havia necessidade de uma ameaça descabida de processo como essa que Rodrigo Silva fez ao final. Afinal de contas, Thiago Lima está sendo sincero ao tentar alertar os adventistas. E mesmo aqueles que o senhor chama de “sabatistas lunares” também o fazem por desejarem seguir a estrita vontade de Deus.

Agora, Dr. Rodrigo Silva, se a semana teve oito dias em algum tempo durante o período em que se adotou o calendário Juliano, como afirmam os irmãos da World Last Chance, então temos realmente um problema com o sábado… Felizmente, antes de subir ao Céu, Jesus nos garantiu que estaria conosco TODOS OS DIAS até a consumação dos séculos!

Obs. Embora não responda completamente aos argumentos dos irmãos da WLC, sugerimos a leitura do artigo O calendário lunar e a guarda do sábado.

Veja o vídeo de Thiago Lima:

Agora compare com os vídeos dos irmãos da World Last Chance:

Leia mais sobre o assunto:
Quando foi a lua criada? Será que o dia realmente importa?

Quando foi a lua criada? Será que o dia realmente importa?

O Calendário do Criador é baseado na Lua e no Sol, conforme especificado nas Escrituras. Como a aceitação do verdadeiro Calendário cresce, assim também crescem as discussões tolas contra ele. Quando a lua foi realmente criada e como isso afeta sua capacidade de ser um relógio Celestial preciso? Podemos honestamente confiar na sabedoria e no padrão estabelecido em Gênesis? Vamos descobrir.

Ellen G. White & o Começo do Sábado

Ellen G. White & o Começo do Sábado

A Escritura estabelece que o dia, e o sábado semanal, começam ao amanhecer. WLC sustenta o ministério de Ellen G. White como sendo uma profeta para o remanescente, apesar do fato de ela ter aprovado uma observância de sol-a-sol do sábado. O estudo cuidadoso dos princípios estabelecidos pelas Escrituras e dos escritos de Ellen White concilia a discrepância aparente.

Malfeitores Jesuítas: Escondendo a Terra Plana & o Sábado Lunar!

A Ordem dos Jesuítas foi o cérebro por trás de algumas das maiores decepções da história. Coincidências de datas, objetivos e agendas relacionam-os ao engano em todo o mundo. Pesquisando cuidadosamente as Escrituras, arqueologia e história, podemos ligá-los a uma mentira que engana fiéis a quase 1.700 anos: a crença de que o sábado (gregoriano) é o sábado do sétimo dia bíblico.

Sábado Lunissolar

Sábado Lunissolar

Muitas pessoas que desejam adorar no Sábado do sétimo dia, adorando no sábado gregoriano porque é o sétimo dia da semana moderna. Agora, um crescente número de pessoas acredita que o verdadeiro Sábado do sétimo dia é um Sábado lunar, que deve ser calculado pelo antigo calendário Lunissolar. Um cuidadoso exame da evidência é necessário para todos que desejam adorar no Sábado do sétimo dia do Criador. Todos devem estudar e escolher por si mesmos: Sábado Gregoriano? Ou Sábado Lunar?

Compartilhar isso:

About Max Rangel

Servo do Eterno, Casado com Arlete Vieira, Pai de 2 filhas, Analista de Sistemas, Fundador e Colunista do site www.religiaopura.com.br.

Além disso, veja também:

E aí, Dr. Rodrigo Silva? Se não houve alteração no ciclo semanal, que importância profética tem a mudança de calendário predita por Daniel?

Leia: Shabat Lune Solar ou Sábado? Relacionado

Porque não fazemos parte de nenhuma denominação

Relacionado

Deixe uma resposta