• O Maior Mandamento

  • Seria mera Coincidência???

  • Até quando voces vão bancar esses bandidos? Dê seu dízimo aos necessitados!!!

  • Onde esta escrito que existe 3 deuses?

  • Estude as Escrituras para não ser enganado!

  • Tem certeza que é pra comer e beber em memoria de Jesus?

Artigos Recentes

Ezequiel Gomes é ovelha que aprendeu a rosnar, mas não percebe…

A parábola dos lobos gaúchos, que termina com a bem-aventurança das ovelhas bilíngues, que só sabiam balir mas aprenderam a rosnar para intimidar os lobos, desafiou e confundiu a capacidade exegética do ex-pastor Ezequiel Gomes. Ele ainda não percebeu que pertence ao rebanho das ovelhas e insiste em querer voltar para a alcateia e uivar para a Lua, com a sua carteirinha do Clube dos Lobos. É ovelha que não só aprendeu a rosnar, mas a raciocinar segundo a índole, filosofia e as regras dos lobos. Bem-aventurada a ovelha bilíngue que rosna apenas contra os predadores e não desfere mordidas contra as colegas de infortúnio.

Sobre a alcatéia gaucha que domina há décadas a IASD Brasileira, leia:
O Leviatã Adventista — Download.

Vergonha: Pastores adventistas acusados de sequestrar e mandar matar colega foram condenados em Angola

Começado há pouco mais de um ano, o processo que ficou conhecido como “rapto do Pastor Adventista do Sétimo dia”, no caso Daniel Cem, chega, finalmente, ao fim, esta sexta-feira 29, quando o juiz da causa, apresentar a sentença, na sala de audiências da décima terceira secção dos crimes comuns, do Tribunal Provincial de Luanda, Dona Ana Joaquina, sito no Golf Estoril, ao Município do Kilamba Kiaxi, em Luanda.

O processo que conta com sete réus, todos dirigentes da Igreja Adventista do Sétimo dia, em Angola, cujo ofendido e queixoso é Daniel Cem, outro pastor da mesma Igreja, surge depois de este último ter sido raptado por elementos, segundo a acusação do Ministério Público, ligados àquela igreja, mandatados pelos Pastores, hoje, réus, tendo à testa Teixeira Vinte, Secretário da União e um confesso “inimigo de estimação” de Daniel Cem, por sinal seu sogro.

Leandro Quadros discorda do livre acesso do crente às Escrituras e quer impor regras para a interpretação da Bíblia

Leandro Quadros, o Dono da Verdade na Rede Novo Tempo, não se cansa de defender a comemoração do Natal pagão, cristianizado pelo papado. E acusa os irmãos que discordam dele de não entenderem a Bíblia, contrariando uma das conquistas da Reforma Protestante, que é o livre acesso do crente às Escrituras, para leitura e interpretação pessoal. Para ele, a Bíblia deveria continuar acorrentada nas bibliotecas dos seminários e ser interpretada apenas pelos mestres e doutores em Teologia.