• O Maior Mandamento

  • Seria mera Coincidência???

  • Até quando voces vão bancar esses bandidos? Dê seu dízimo aos necessitados!!!

  • Onde esta escrito que existe 3 deuses?

  • Estude as Escrituras para não ser enganado!

  • Tem certeza que é pra comer e beber em memoria de Jesus?

Artigos Recentes

“Noé” e os Nefilins desmascarados pela Bíblia

Por Hermes C. Fernandes, da Rede Internacional de Amigos

noe (1)O filme “Noé” tem sido pivô de muitos debates nas redes sociais. Muitos o acusam de não ser fiel aos relatos bíblicos. Descontando a licença poética, o filme tem o mérito de levantar questões há muito ignoradas pela maioria dos cristãos.

Dentre elas, a existência de uma raça angelical que na película é chamada de guardiões. De acordo com o enredo, tais seres teriam ajudado os homens depois que estes foram expulsos do paraíso. Como castigo, Deus os teria exilado na terra em forma de monstros de pedra. É aqui que o enredo esbarra com o relato bíblico, segundo o qual, os guardiões, também chamados de Bene-Elohim, haviam se rebelado contra as instruções divinas e se envolvido sexualmente com mulheres humanas, gerando uma raça híbrida conhecida como os Nefilins.

A primeira medida tomada por Deus para corrigir o erro dos guardiões foi enviar um Dilúvio ao mundo. Não queremos aqui discutir a abrangência de tal cataclismo, se foi universal ou local. Mas o fato é que Deus queria separar uma estirpe pura, que fosse preservada ao longo dos séculos, até que chegasse a plenitude dos tempos, e o Filho de Deus fosse enviado para redimir a humanidade. Leia Mais… »

Filmes e sermões estão soterrando as Escrituras Sagradas

Da mesma maneira que muitos se contentam com a versão cinematográfica de clássicos da literatura, a maioria se satisfaz com a versão do cinema e dos púlpitos para as histórias da Bíblia. Quando finalmente lêem a obra original verificam que foram enganados. O Livro é sempre melhor que o filme!

Além disso, como você já deve ter observado, a maioria das pessoas tem muito mais interesse e satisfação em ir ao cinema ou ver televisão do que em ler a Bíblia por si mesmos. Outros terceirizam o estudo pessoal da Bíblia para os pastores e membros mais antigos da igreja, contentando-se com a interpretação e aplicação destes, sem pesquisar por conta própria. Filmes e sermões não podem substituir a Bíblia.

Ensinos equivocados do cinema Leia Mais… »

It’s Now! Está na hora de novas lições na Escola Sabatina – Nefilim a Verdade

Se você é bom de inglês, se entende o que lê e ouve, assista ao filme abaixo, depois comente-o e discuta com seus amigos da igreja. Chega das liçõezinhas repetidas de tantos e tantos sábados, cartinhas missionárias mal contadas… Está na hora de reencontrar verdades que a liderança das igrejas escondeu por séculos.

Conheça melhor o autor do vídeo: Leia Mais… »

Filme “Noé”: o show de cabala e gnosticismo que quase ninguém percebeu

Brian Mattson (Católico)

Todos os acréscimos bizarros à história vão fazer muito mais sentido agora…

noeEm “Noé”, a nova e épica produção cinematográfica de Darren Aronofsky, Adão e Eva são apresentados como seres luminescentes e descarnados até o momento em que comem do fruto proibido.

Esta versão não é a da Bíblia, é claro. E, em meio a muitas outras licenças imaginativas de Aronofsky, como os monstros gigantes de lava, essa imagem levou muitos críticos de cinema a coçarem a cabeça. Evangélicos conservadores se queixaram de que o filme toma muitas liberdades com o texto do Gênesis. Grupos mais liberais concederam suas indulgências ao diretor: afinal de contas, não devemos esperar que um ateu professo tenha as mesmas ideias de um crente a respeito dos textos sagrados.

O caso é que os dois grupos se perderam na avaliação.

Aronofsky não tomou liberdade alguma com o texto bíblico.

filme simplesmente não foi baseado na Bíblia. Leia Mais… »

Redução populacional: 13 Venenos Públicos de Massa

reducao topoNós estamos sendo envenenados. Este envenenamento público de massa vem acontecendo há mais de um século, e foi aumentando gradualmente. Você e aqueles que se preocupam estão sendo prejudicados quase continuamente. Estamos sendo abusado com múltiplas venenos em pequenas doses de propósito. Quanto mais de nós que se tornar consciente de algumas das formas mais comuns de que isso está acontecendo, a melhor chance que temos de reduzir ou acabar exposição a pelo menos alguns dos venenos. Leia Mais… »

Anunciando igrejas e não a CRISTO!!

Contexto bíblico Mateus 11.25:
Naquele tempo, respondendo JESUS, disse: Graças te dou, ó PAI, SENHOR do céu e da terra, que ocultaste estas coisas aos sábios e entendidos, e as revelaste aos pequeninos.
E, contrários ao que expressa a graça do FILHO de DEUS, muitos têm buscado a cursos seculares teológicos e nas lideranças eclesiásticas, na preeminência de querer estudar DEUS, imaginando de forma fútil, sem interesse, superficial, numa atitude frívola que através destes ensinos conhecerão ao TODO-PODEROSO; ledo engano.
Uma contextualidade bíblica apresentada pelas lideranças eclesiásticas está em que, quanto menos o povo (frequentadores das igrejas) compreenderem, mais admirarão! Leia Mais… »

Noé: O filme, o engano e os últimos dias — Parte 5/5

A Segunda Vinda “como nos Dias de Noé”

Jesus nos alertou que os últimos dias do mundo seriam mais uma vez como nos dias de Noé, antes do dilúvio. Jesus profetizou isso em Mateus no Capítulo 24:

A vinda do Filho do Homem será como aquilo que aconteceu no tempo de Noé. Pois, antes do dilúvio, o povo comia e bebia, e os homens e as mulheres casavam, até o dia em que Noé entrou na barca. (Mateus 24:37,38)

Jesus nos avisou no mesmo capítulo que a “maldade vai se espalhar tanto, que o amor de muitos esfriará;” (Mateus 24:12). Notamos bem antes disso que no capítulo seis do livro de Gênesis, diz que Deus mandou o dilúvio à terra porque ela estava cheia de violência, perversão sexual e que o pensamento do homem era “só mal continuamente.”

Em 1993, o ex-secretário de educação, William Bennet, lançou seu “Índice Mostruário de Indicador Cultural”. Bennet resumidamente demonstrou o colapso moral da cultura americana em apenas algumas décadas, e disse: Leia Mais… »

Noé: O filme, o engano e os últimos dias — Parte 4/5

O filme Noé de Aronofsky, que pinta Deus e Noé como seres obscuros e impiedosos, vai cada vez mais fundo, inspirado satanicamente e tornando o bom mal e o mal bom. Realmente estamos vivendo nos dias descritos por Isaías:

Ai dos que chamam de mau aquilo que é bom e que chamam de bom aquilo que é mau; que fazem a luz virar escuridão e a escuridão virar luz; que fazem o amargo ficar doce e o que é doce ficar amargo! (Isaías 5:20)

A tendência gnóstica de Aronofsky de inverter tudo aquilo que é sagrado e glorificando a morte e o mal em seus filmes anteriores nos ajuda a entender porque Noé seria mostrado como uma pessoa sombria. Leia Mais… »

Noé: O filme, o engano e os últimos dias — Parte 3/5

Se Russell Crowe for o nosso guia em como ele interpreta Noé para o mundo como um homem obscuro e mal, o Próprio Deus é mostrado como sendo ainda mais mal do que Noé. No filme Noé, Deus está muito mais preocupado em salvar a terra e os animais (Noé até monta um hospital de animais antes do dilúvio) do que os seres humanos. No entanto, os humanos são feitos a imagem de Deus (Gênesis 1:27) e Jesus revelou que Deus cuida de cada folha que cai no chão, Quanto a vocês, até os fios dos seus cabelos estão todos contados. Portanto, não tenham medo, pois vocês valem mais do que muitos passarinhos.” (Mateus 10:30-31) Leia Mais… »