Tedros GhebreYESUS da OMS tem ligações pessoais com o ditador chinês, Xi Jiping

Ditador de regras da OMS e suposto salvador do mundo nem médico é, mas governa a Terra arrasada pelo vírus chinês

O apoio do Papa Francisco, sabidamente de esquerda e envolvido na implantação da Nova Ordem Mundial, ajudou a garantir o papel de atual governador do mundo ao etíope Tedros Adhanom GhebreYESUS, um falso JESUS (como evidencia seu nome).

Chefe da OMS elogia China por sua “transparência” sobre coronavírus

Cientistas políticos criticam etíope Tedros GhebreYESUS por elogios pessoais a Xi Jiping e atraso em alerta sobre pandemia

Oliver 25/03/2020

Na última sexta-feria, dia 20, o canal americano Fox News denunciou o atual chefe da Organização Mundial da Saúde (OMS), o etíope Tedros Adhanom GhebreYESUS, de esconder a responsabilidade chinesa pelo coronavírus.

De acordo com a reportagem, Tedros tem ligações pessoais com o ditador chinês, Xi Jiping, e este seria o motivo da ascensão do etíope como líder da OMS em 2017:

Ele [Tedros] não foi treinado como médico, não possuía experiência minima em gestão da saúde e fez algumas mudanças seriamente questionáveis, incluindo tentar nomear o então ditador do Zimbábue Robert Mugabe como embaixador da boa vontade da OMS.

A Etiópia é totalmente dependente da China, aponta a matéria. Pequim investiu em megaprojetos no país, incluindo um novo estadio nacional que custou mais de 160 milhões de dólares. O país asiático é o maior parceiro econômico da nação africana, já foram investidos quase 3 bilhões de dólares para um projeto ferroviário que termina nos portos de Djibuti, país da África oriental.

Enquanto a China conscientemente enganou o mundo, Tedros elogiou publicamente o país por sua ‘transparência’. Por que ele fez isso? Alguns dizem que  manter a China feliz tem enormes vantagens não apenas para a OMS, mas também para a Etiópia, o país de origem de Tedros.

No entanto, o investimento bilionário que os chineses fizeram à Etiópia não deu o retorno esperado. Se a China parar de investir, o país quebra. Assim, Tedros está desesperado para evitar a bancarrota, afirma a reportagem da Fox News.

Não é possível confiar a OMS a Tedros, aponta o professor de ciências políticas Bradley A. Thayer, entrevistado pelo canal. A lealdade do líder da OMS para com a China e seu atraso em alertar o mundo sobre o coronavírus, mostram que ele é incapaz de ser chefe da OMS:

“O mundo agora está enfrentando infecções crescentes e muitos países impuseram restrições. Como líder da OMS, Tedros deve ser responsabilizado por seu papel na má gestão dos esforços para controlar a propagação do vírus”.

Fonte: http://sensoincomum.org/2020/03/25/tedros-oms-xijiping/

INTERNACIONAL: Ministro japonês sobe o tom e critica estranha ligação entre a China e a OMS: “Organização Chinesa de Saúde”

Fonte: https://www.jornaldacidadeonline.com.br/noticias/19665/ministro-japones-sobe-o-tom-e-critica-estranha-ligacao-entre-a-china-e-a-oms-organizacao-chinesa-de-saude

Ministro japonês chama OMS de “Organização Chinesa de Saúde” e pede a cabeça de Tedros Adhanom

Enquanto o mundo se curva para a China [obviamente porque eles possuem uma das maiores reservas de capital do mundo], o Japão subiu o tom com o país comunista.

Tarō Asō, vice-primeiro ministro japonês, criticou a OMS e disse que Taiwan se recuperou rapidamente do vírus chinês porque não está atendendo às demandas da Organização.

Conforme já tínhamos publicado anteriormente, autoridades de saúde de Taiwan tentaram alertar a OMS em [dezembro de 2019] de que o coronavírus poderia ser transmitido por contato humano a humano, mas a organização ignorou seus avisos, possivelmente devido ao seu relacionamento com a China, onde o vírus se originou.

Em declaração ao parlamento japonês, o vice-primeiro ministro enfatizou que a OMS deveria mudar seu nome para “Organização Chinesa de Saúde”.

De acordo com ele, mesmo excluído do organismo de saúde global, Taiwan se tornou líder mundial no combate ao vírus chinês.

O Japão lidera uma petição pela renúncia do Tedros Adhanom, diretor da OMS que já possui mais de 500.000 assinaturas.

“Se a OMS não tivesse insistido que a China não tinha epidemia de “pneumonia”, todos teriam tomado precauções.” declarou o ministro.

Taiwan, país com 27,8 milhões de pessoas, registrou 322 casos de infecção por coronavírus e apenas 5 mortes desde que a pandemia começou na China central, em dezembro de 2019.

Fonte: https://vindodospampasoretorno.blogspot.com/2020/03/ministro-japones-chama-oms-de.html

Mundo: OMS deveria mudar seu nome para “Organização Chinesa da Saúde”, diz ministro do Japão

Uma petição online pedindo que o chefe da Organização Mundial da Saúde se demitisse por causa do tratamento da pandemia de coronavírus recebeu mais de 560.000 assinaturas em todo o mundo nos últimos dias.

O vice-primeiro-ministro e ministro das Finanças do Japão, Taro Aso, disse na última quinta-feira (26), que a petição surgiu quando muitas pessoas começaram a se preocupar com a possibilidade de a Organização Mundial da Saúde ter que mudar seu nome para “Organização Chinesa de Saúde”.

A petição na plataforma Change.org, com sede nos EUA, alega que Tedros Adhanom Ghebreyesus, que não é médico, é inadequado para seu papel como Diretor Geral da OMS. Segundo a plataforma, a disseminação do coronavírus se deve em parte à sua subestimação da situação e que o chefe da OMS acreditava nos números de mortes e infecções dados pela China sem nenhuma investigação, para ver se realmente de fato os dados eram corretos.

O chefe da OMS, Tedros Adhanom GhebreYESUS não fez nenhuma menção à petição até o momento.

Fonte: https://portalnovonorte.com.br/?p=22239

Veja isto também:

Procurador de direitos humanos diz que OMS é comandada por ‘serviçal da ditadura comunista da China’

A publicação foi feita um dia após subprocuradores solicitarem envio de recomendação ao presidente Bolsonaro para que siga as organização, em relação ao combate ao novo coronavírus

Leandro Prazeres

26/03/2020 – 13:52 / Atualizado em 26/03/2020 – 20:09

BRASÍLIA – Um dia após subprocuradores solicitarem envio de recomendação ao presidente Jair Bolsonaro para que siga as orientações da Organização Mundial de Saúde (OMS) em relação ao combate ao novo coronavírus, o secretário de direitos humanos da Procuradoria-Geral da República (PGR), Ailton Benedito, publicou um artigo criticando a entidade, acusando-a de crimes contra a humanidade e, sem citar nomes ou fornecer dados, dizer que ela é comandada por um “serviçal da ditadura comunista da China”. …

Fontes:

https://oglobo.globo.com/brasil/procurador-de-direitos-humanos-diz-que-oms-comandada-por-servical-da-ditadura-comunista-da-china-24329943

https://www.instagram.com/p/B-Mi9x0pRKh/?igshid=u7t7g7fmzcq7

Texto de Ailton Benedito, procurador da República e colunista do Conexão Política

Serviçal da ditadura comunista da China comanda a OMS, entidade que governadores e prefeitos do Brasil dizem seguir no enfrentamento da pandemia do vírus chinês coronavírus. Entretanto, nenhum eleitor votou naquele sujeito para comandar Estados e Municípios do Brasil.

Governadores e prefeitos no Brasil, a pretexto da pandemia do vírus chinês coronavírus descumprem a Constituição e a Lei 13.979/20, e impõem suas próprias DITADURAS ESTADUAIS e MUNICIPAIS contra as respectivas populações, imitando a ditadura comunista da China.

“Especialistas genéricos”, jornalistas e democratas de retroescavadeira, a pretexto da pandemia do coronavírus viruschinês, aplaudem e apoiam com entusiasmo as DITADURAS ESTADUAIS e MUNICIPAIS que governadores e prefeitos estão infligindo as respectivas populações.

Eis os crimes contra a humanidade perpetrados pela OMS, a pretexto do coronavírus vírus chinês, que governadores e prefeitos no Brasil estão usando como argumento de autoridade para impor DITADURAS ESTADUAIS e MUNICIPAIS contra as respectivas populações.

Fonte:

https://www.facebook.com/ailtonbenedito123

Sobre Max Rangel

Servo do Eterno, Casado, Pai de 2 filhas, Analista de Sistemas, Fundador e Colunista do site www.religiaopura.com.br.

Além disso, veja também:

O sistema tecnológico da Besta está pronto para perseguir quem obedece a Deus com a fé de Jesus

Assista e comente abaixo.

GUERRA ESPIRITUAL: O que a maioria dos Lideres Religiosos não conta pra você!

Palestra do jornalista Rodrigo Constantino no evento Theopolis, organizado pela Comunidade das Nações, do bispo …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.