A “religião científica” do seu pastor e da sua igreja foi criada por jesuítas

Desde que Loyola estabeleceu a Ordem dos Jesuítas, esta tem sido o instrumento mais poderoso do Vaticano nos assuntos mundiais.

Observe com que frequência líderes proeminentes chegam ao poder depois de frequentarem universidades jesuítas como Georgetown e a Universidade de São Francisco. Um fato pouco conhecido é que poucos jesuítas se tornam padres. As universidades jesuítas contam com milhões de graduados, mas apenas cerca de dois por cento deles usam uma túnica sacerdotal.

Em vez disso, muitos assumem posições no mundo político e empresarial, onde influenciam discretamente legislação ou decisões políticas importantes. As decisões do Papa Bento XVI sobre a evolução foram lideradas por um jesuíta.

O Presidente Clinton elogiou abertamente o fato de estar rodeado e até mesmo de preferir jesuítas num discurso que proferiu na Universidade de Georgetown.

Durante séculos, em dezenas de países, os “missionários” jesuítas conseguiram infiltrar-se em altos níveis governamentais. Mas quando se descobriu que o seu objetivo era colocar o país sob o controle do papa, foram sumariamente expulsos.

Fazendo-se passar por cristãos, os primeiros missionários jesuítas levaram o seu falso evangelho à China, ao Japão e a outros países do Oriente. Quando suas maquinações políticas foram descobertas, eles foram mandados embora.

Contudo, agora todos os “cristãos” estão agrupados na mente oriental, tornando muito difícil para os verdadeiros crentes da Bíblia entrarem com a verdade.

A difusão da influência jesuíta é em grande parte responsável pela mudança de atitude dos protestantes em relação ao Papa. Os líderes da Reforma apontaram com precisão o papa como o anticristo, e o Vaticano como a igreja prostituta de Apocalipse 17 e 18.

Quando Roma não conseguiu erradicar a Reforma queimando os seus líderes na fogueira, ela mudou de tática. E a nova estratégia, o ecumenismo, fez maravilhas. Poucos protestantes, mesmo evangélicos, estão dispostos a chamar o catolicismo de seita.

Com a ajuda dos jesuítas, ela conseguiu posicionar-se como “apenas mais uma denominação com uma tradição de culto diferente”. Não importa que ela pregue “outro evangelho”, adore um deus hóstia e ore a uma deusa em vez de Jesus.

Sobre Max Rangel

Servo do Eterno, Casado, Pai de 2 filhas, Analista de Sistemas, Fundador e Colunista do site www.religiaopura.com.br.

Além disso, veja também:

Vídeo impactante sobre o mundo espiritual

Dez mandamentos satânicos de Rodrigo Silva para não concluir que a Bíblia seja um livro ridículo

HERESIA: Rodrigo Silva ensina que a Bíblia não pode ser lida e compreendida pelo homem …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.