Abortos em hospitais adventistas: Pai de Ted Wilson nos envergonhou perante todo o mundo!

In vitro image of a human fetus in the womb – approx 12 weeks.

RESUMO
  • Um médico adventista sugere aborto a mulher grávida.
  • Adventistas enriqueceram fazendo aborto.
  • Como hospitais adventistas começaram a realizar aborto em 1970 e a razão financeira por trás disso.
  • Neal C. Wilson, que foi presidente mundial dos adventistas, afirmou que “os adventistas tendem a aprovar o aborto”.
  • A chacina em hospitais adventistas durou pelo menos 20 anos.
  • A Igreja Adventista do Sétimo Dia se posicionou só depois de 50 anos.
  • Algumas perguntas inconvenientes para os adventistas. Uma delas: Por que essa realidade foi escondida dos membros das igrejas adventistas?

Atenção: Quando se fala de abortos em hospitais adventistas, alguns talvez pensem que é referência a abortos espontâneos (“miscarriage”, em inglês), mas aqui o caso é de de abortos induzidos (“abortion”, em inglês). E o problema aqui exposto nem mesmo se refere a aborto em casos de gravidez causada por estupro, de feto anencéfalo (criança sem cérebro), etc., mas a abortos realizados porque a mãe, por qualquer outro motivo, simplesmente queria se livrar da criança.1

Médico adventista sugere aborto

Quando minha mulher ficou grávida do nosso filho Seth, decidimos procurar um médico cristão que, assim como nós, cresse firmemente na santidade da vida. Fomos, então, de carro a Takoma Park, Maryland [nos Estados Unidos], até o consultório do dr. _____ , um adventista do sétimo dia. Depois dos exames que confirmaram que ela estava grávida, a primeira pergunta que o médico fez a ela foi: “Você quer a criança ou prefere abortar?” Ela e eu nos olhamos, chocados e sem acreditar no que tínhamos ouvido. Depois viramos para ele dissemos: “Desculpe-nos. Acho que estamos no lugar errado”. Levantamo-nos e saímos dali.2

Ao lerem o depoimento acima, muitos evangélicos, talvez a maioria, fiquem surpresos. É verdade que não aconteceu aqui no Brasil. Mas nem por isso a questão deixa de ser importante. O fato é que durante praticamente cinquenta anos a Conferência Geral da Igreja Adventista do Sétimo Dia não teve posição oficial sobre o assunto! Nesse meio tempo centenas de milhares de criancinhas foram chacinadas em hospitais adventistas!

Adventistas enriqueceram com aborto

Há adventistas que têm ganhado dinheiro com o aborto. É o caso de

Fonte: https://adventismo.com.br/2020/04/abortos-em-hospitais-adventistas/

Sobre Max Rangel

Servo do Eterno, Casado, Pai de 2 filhas, Analista de Sistemas, Fundador e Colunista do site www.religiaopura.com.br.

Além disso, veja também:

“Sai dela, povo Meu!” — ONU, a Nova Babel, projeto de dominação do Anticristo

A ONU é uma tentativa de governo mundial que pretende contradizer a profecia bíblica de …

Ministros da Saúde do G20 assinam o “Pacto de Roma”, uma estrutura universal de vacinação e declaram que não há diferença entre a saúde humana, animal e ambiental

Por Andy Roman O ministro italiano da Saúde, Roberto Speranza, e o presidente dos Ministros …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.