Iníco / Dízimos e Ofertas / #ficaadica do leitor aos líderes e irmãos membros da IASD

#ficaadica do leitor aos líderes e irmãos membros da IASD

IASDinheiro

Texto enviado pelo irmão Léo, em resposta à postagem Artigo de presidente da DSA anti-dissidentes e extremistas revolta membros descontentes com a liderança da IASD:

Boa parte da liderança não tem interesse em que a mensagem seja pregada de forma clara, efetiva e objetiva, por um simples e óbvio motivo: Temem, através de uma eventual perseguição estatal, perderem os abundantes benefício$ (leia-se “mamata) que eles e sua prole recebem, mensalmente, através da arrecadação milionária (ou seria bilionária…?)

dos dízimos, ofertas e afins, cobrados sistematicamente dos fiéis, que, em sua grande maioria oriundos da classe ‘C’, sacrificam-se para obter um mísero salário mínimo mensal e quando precisam usar os serviços oferecidos pela instituição (escolas, hospitais, etc.), são, na maioria das vezes, barrados e tratados como clientes comuns, tendo que desembolsar outros milhares de reais para terem acesso a tais serviços que eles mesmo ajudam a manter através de seus dízimos e ofertas! Sim, senhores. Uma total falta de respeito e consideração da instituição com os seus próprios fiéis.

Situação que lembra bem como funciona uma máquina estatal (pelo menos aqui no Brasil é assim), que, mesmo arrecadando trilhões em impostos do povo, não oferece o mínimo de suporte e benefícios ao cidadão quando este mais precisa.

Só por aí, percebe-se a hipocrisia e os reais intere$$es por trás do “manto sagrado” que cobre a ‘intocável’ administração adventista; composta em sua maioria por homens frios e calculistas- exatamente como manda a cartilha burocrática- copiada de alguns poderes estatais vigentes e usada como referência para regular a máquina administrativa adventista. Uma contradição absurda com o modelo de igreja implantado por Cristo e formatado pela igreja primitiva (Atos 2), onde os princípios de um governo burocrático- Poder e Dominação- são afrontados com os princípios do governo de Cristo- Amar e Servir.

Então, quanto mais eles conseguirem ‘desconversar’ e “empurrar com a barriga” esse confronto inevitável com a Grande Meretriz, assim o farão; pois deixaram de serem atalaias do Reino para tornarem-se burocratas acomodados em seus escritórios e repartições, cuidando, prioritariamente, de seus próprios intere$$es, vaidades e caprichos pessoais; são uma espécie de “fariseus contemporâneos”.

Enquanto isso, os membros das igrejas (geralmente locais e rotulados por essa liderança arrogante como sendo meros “leigos”) padecem e sofrem retaliações, privações e impedimentos por tomarem a postura de verdadeiros atalaias (Ezequiel cap.33).

Assim sendo, fica claro que a igreja adventista assemelha-se mais a uma empresa do que a uma IGREJA (leia-se Atos cap.2), onde os intere$$es corporativos e burocráticos da liderança sobrepõem os principais interesses do Reino – ATENDER AS NECESSIDADES DOS POBRES, DOS ÓRFÃOS E DAS VIÚVAS, além de levar a mensagem de forma CLARA E EFETIVA a todo mundo.

A já viúva Ellen White, quando percebeu esse equívoco da centralização e secularização do poder administrativo na igreja, foi mandada para o outro lado do mundo (Austrália) a fim de a ‘amordaçarem’, não a permitindo assim influenciar uma mudança nesse sentido. E, desde então, com toda essa contaminação burocrática que exige Poder e Dominação, a igreja/empresa Adventista,  tem-se tornado em suas principais características, a MORNA E INTRAGÁVEL igreja de Laodicéia, prevista em Apocalipse 3.

Está na hora da sacudidura!!!
E a única solução que vejo para barrar esse sistema administrativo corrompido, é bem simples:

Os fiéis PARAREM de alimentar e engordar ainda mais os cofres desta “máquina burocratizada” com seus DÍZIMOS E OFERTAS.

Deêm seus dízimos e ofertas diretamente a quem interessa: POBRES, ÓRFÃOS E VIÚVAS — -bem como manda as Escrituras- que, certamente, Deus se agradará muito mais.

E aos líderes administrativos e eclesiásticos, vai aqui um simples recado:

Vão TRABALHAR como o apóstolo Paulo, que, além do impecável e amplo trabalho missionário, FAZIA E VENDIA TENDAS PARA O SEU PRÓPRIO SUSTENTO, a fim de não ser peso e pedra de tropeço à ninguém.

E, POR FAVOR! PAREM DE USAR O NOME DE DEUS PARA EXPLORAR OS POBRES, ÓRFÃOS E VIÚVAS, cobrando deles dízimos e ofertas para sustentar suas mordomias, caprichos e vaidades!

Bando de hipócritas!

Só Jesus voltando mesmo, pra acabar com essa folia!

Maranata! Ó, vem Senhor Jesus!

P.S. – Sou membro da igreja Adventista, batizado há 16 anos. Mas não sou bobo, “leigo” e muito menos alienado. E procuro seguir o que de fato ESTÁ ESCRITO. Fica a dica.

Sobre Max Rangel

Servo do Eterno, Casado, Pai de 2 filhas, Analista de Sistemas, Fundador e Colunista do site www.religiaopura.com.br.

Além disso, veja também:

Texto sugere que se Jesus Cristo não voltar ao final dos seis mil anos, EGW não foi inspirada por Deus

Através de estudo disponibilizado no formato pdf nas redes sociais, um redator de identidade desconhecida …

IMAGEM DE DEUS, NÃO! Michelson Borges diz que ser humano é uma “bactéria sobre uma bola de basquete”

Finalmente, Michelson Borges deixou escapar durante uma live o real objetivo da mudança da doutrina …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.