Iníco / Artigos / POR QUE CREIO NA SEGURA PALAVRA DOS PROFETAS DOS TEMPOS BÍBLICOS E NA BÍBLIA SAGRADA?

POR QUE CREIO NA SEGURA PALAVRA DOS PROFETAS DOS TEMPOS BÍBLICOS E NA BÍBLIA SAGRADA?

Muitíssimas pessoas não acreditam que as profecias se vão cumprir ou que já estão a ser cumpridas.
É necessário convencê-las de que a fé não é cega e que a crença no Criador vivo e na veracidade da Sua mensagem também se explica através da evidência; que a Bíblia apresenta fatos científicos, referências históricas e geográficas que correspondem perfeitamente à realidade e que até mesmo serve de apoio aos arqueólogos.
Muitas pessoas estão confusas devido a certas teorias científicas. Em vez de perceberem a Bíblia como uma mensagem maravilhosa, muitos entendem que é apenas um livro que nos condiciona, mas nós sabemos que é precisamente o contrário.
Há alguns meses, um colega disse-me que não acredita em Deus porque a Bíblia contém contradições. Muita gente diz isto como ele disse, mas a maioria não lê a Bíblia e crê no que algumas pessoas conceituadas disseram, como, por exemplo, o já falecido escritor português José Saramago.
Muitos só acreditam em fatos comprovados, mas o que eles não sabem é que a veracidade da Bíblia está comprovada e que a Bíblia é precisa.
Os nossos irmãos incrédulos revelam uma grande falta de atenção com as coisas que estão ao redor deles.
Certas teorias científicas ensinadas na escola “roubam” o desejo que as pessoas têm de compreender as Escrituras.

De fato, temos muitas razões para mostrar aos nossos irmãos ateus que não temos “fé cega”, pois existem várias evidências e o Criador “não se deixou a si mesmo sem testemunho” (Atos 14:17).
A vida só pode vir da vida mesmo (ao contrário do que diz a teoria da evolução). É bem mais razoável o universo ser obra do Criador vivo (Atos 14-24-27) do que ser o resultado de um “acidente” inesperado. Muitas pessoas justificam a sua falta de fé com o fato de nunca terem visto o Criador, mas a verdade é que elas também não têm evidência nenhuma que prove que matéria morta pode produzir a vida ou possa ter produzido vida num determinado momento. Falam de reações químicas, mas… e os elementos químicos? Os elementos químicos que permitem a reação química vieram de onde?
Alguns teólogos com ou sem denominação religiosa já deram vários exemplos que evidenciam a existência de um Ser bem superior a nós. Um ser inteligente pode ser reconhecido pelas suas obras por outro ser inteligente. As obras que realizamos têm em si as marcas da nossa inteligência. As nossas obras são inteligíveis e outras pessoas podem saber como funcionam.
Não vês o Criador, mas tens que saber que Ele existe e podes apreciar a Sua infinita sabedoria pelas coisas que Ele criou.
Todas as obras de seres inteligentes têm um propósito: barcos, pontes, elevadores, escadas… Não é sensato defender que todas as coisas surgiram sem o planejamento de um Ser inteligente.
As máquinas fotográficas são feitas por seres inteligentes, mas nenhuma pode ser comparada ao desempenho total dos olhos humanos. De onde vieram os teus olhos?
Todos os efeitos têm uma causa. Não é difícil admitimos que existe um Ser bem superior a nós que criou tudo intencionalmente, como conta a Bíblia.
Qualquer pessoa pode confirmar que a Bíblia é precisa e que apresenta uma unidade surpreendente.
Para além de podermos conhecer a aliança que temos com o divino Filho do Único Deus, também podemos encontrar na Bíblia fatos científicos, referências históricas e geográficas que encaixam com a realidade e com a arqueologia e outras ciências. As Escrituras têm uma seqüência histórica. Pela sua precisão, as Escrituras sagradas só poderiam ter sido inspiradas pelo Criador.
A Bíblia tem concordância com fatos científicos que só foram conhecidos séculos mais tarde.
Quando o Homem acreditava que a Terra era plana, já Isaías tinha escrito há muito tempo atrás que a Terra era redonda (Lê em Isaías 40:22 – “um círculo, esfera”). Como Isaías podia saber isto?

Antigamente, pensava-se que a Terra estava apoiada em algo e acreditava-se em vários erros, mas se leres em Jó 26:7, sabes que “A Terra paira sobre nada”. Se a Bíblia não fosse inspirada por uma mente suprema, como podia já apresentar essa verdade antes de nós a conhecermos?
Em Salmos 8:8 temos também uma informação preciosa sobre algo que sempre nos suscitou muita curiosidade: os mares. Os homens nada sabiam acerca das sendas dos mares até ao momento em que Mathew Maury leu este versículo.
Maury descobriu as correntes do oceano, ficando conhecido como o pai da Oceanografia.
Em Eclesiastes 1:7, podemos saber muito sobre os rios; saber que os rios correm para mar, que o mar não se enche e que os rios voltam ao lugar de onde vieram. Hoje, compreendemos como isto acontece através do ciclo da água e evaporação. E Salomão? Como podia ele saber isto?
Para além dos fatos científicos, muitíssimos fatos históricos e geográficos estão também comprovados.
A Bíblia diz também que todos os seres se reproduzem segundo a sua espécie (Génesis 1), ao contrário da teoria da evolução. Contrariar a Bíblia seria considerar que o Homem é só mais um animal, mas sabemos que o Homem (espécie única) foi feito à semelhança do seu Criador (Genesis 1).
Creio também que a nossa superioridade e o nosso maior poder em relação aos outros animais não justifica as práticas absurdas que cometemos contra eles, muito menos hoje em dia, em que alcançamos um nível bem alto de conhecimento e não vivemos isolados. Eles são as vítimas diretas dos nossos excessos. A maioria da população da Terra está concentrada em certas regiões, em plena cidade, mas vive como se se encontrasse num lugar isolado de escassos recursos, preferindo caçar coelhos para almoçar ou saborear a cabeça de um porco, tendo uma incontável diversidade de alimentos bem mais baratos e ricos em nutrientes à sua disposição. Cultivamos para alimentar os animais para depois podermos comê-los. As pessoas mais pobres do planeta ficam em desvantagem e são as vítimas indiretas. Violamos um dos mandamentos ao matar o nosso próprio corpo lentamente e morrendo de doenças em vez de morrermos naturalmente.
No princípio Deus estabeleceu o regime vegetariano para o homem e até para os animais. Além disso, as pessoas esquecem uma coisa muito importante: nos tempos bíblicos, quando se usava carne, sobre tudo de peixe, não havia tanta poluição, os rios não estavam contaminados, os animais não recebiam injeções, não recebiam medicação para não adoecerem devido ao ambiente em que são criados, ou para ficarem mais gordos, ou para produzirem mais leite do que o normal, etc…
A perfeita unidade dos 66 livros da Bíblia não poderia ter sido conseguida pela sabedoria dos diferentes homens que os escreveram, mas sim pela infinita sabedoria de uma mente suprema. Somente um Ser superior poderia escrever um Livro como a Bíblia. A Bíblia é uma mensagem dEle. O propósito das profecias é provar a existência dEle (Lê em Isaías 41:21-23, 42:8 e 9).
O Único Deus nunca nos disse que aceitássemos tudo sem provas nem que tivéssemos “fé cega” sem evidências (Lê em Romanos 1:20 e 21; Salmos 19:1). Ele predisse acontecimentos futuros porque “O Homem não sabe o que sucederá amanhã.” (Tiago 4:14). É preciso ser um Ser supremo para predizer o futuro com precisão. Na Bíblia, as profecias são usadas para mostrar quais eram os homens que realmente falavam em nome do Único Deus.
E os milagres também serviram como uma assinatura dEle, para que as pessoas cressem, pois só Ele pode fazer com que as leis da Física “falhem”.
Mariolino Borges

Compartilhar isso:

Sobre Paulo Pinto

Além disso, veja também:

O Senhor dos Milagres – Um dos melhores filmes infantis que já assisti. Através da animação, que mistura técnicas de movimento em bonecos de argila a recursos de computação gráfica.

Click na imagem para baixar Relacionado

UM MAGNÍFICO FALSO PROFETA

Porém o profeta que tiver a presunção de falar alguma palavra em meu nome, que …

Deixe uma resposta