Iníco / Artigos / O DEUS QUE PRECISOU RECEBER PLENITUDE EXTERNA

O DEUS QUE PRECISOU RECEBER PLENITUDE EXTERNA

Quando nós cristãos pensamos na “plenitude da divindade”, pensamos na onipotência, onipresença, onisciência e na imortalidade, que são os atributos exclusivos de Deus. Somente Deus possui em si mesmo esses atributos, sem derivar de alguém outro.

Um texto bíblico, Colossenses 2:9, fala que Cristo possui “corporalmente toda a plenitude da divindade”. “Porque nele habita corporalmente toda a plenitude da divindade”. Tirando esse verso do seu contexto, os trinitarianos querem fazê-lo declarar que Jesus Cristo seja Deus, pois os atributos da divindade – onipotência, onipresença, onisciência e a imortalidade –, pertencem somente a Deus. Esse texto em questão pode ser usado como prova de que Cristo seja Deus? Certamente que não. A plenitude da divindade que habita corporalmente em Cristo, não lhe pertence naturalmente, mas, lhe foi atribuída. Infelizmente, na presa de tentarem provar a deidade de Cristo, os trinitarianos deixam de ler na mesma Carta aos Colossenses, os versos 12 ao 20 do capítulo 1. Se eles também acreditassem nesses versos desse capítulo, jamais usariam Colossenses 2:9 como prova de que Cristo seja um dos membros da trindade.

Colossenses 1:12, de cara identifica àquele a quem devemos ser gratos em primeiro lugar: ”Dando graças ao Pai que nos fez idôneos para participar da herança dos santos na luz.” Paulo reconhecia primeiro no Pai a razão da nossa salvação. O apóstolo dos gentios reconhecia que fora o Pai que nos “tirou das trevas” e que nos conduziu “para o reino do Filho do seu amor”. Percebemos nas palavras de Paulo, um Deus de amor trabalhando para salvar as suas criaturas que pecaram. O Pai nos conduziu ao Filho, porque Ele, “amou o mundo de tal maneira que deu o seu Unigênito” para nos salvar. Sobre Cristo, o viajante da estrada de Damasco nos diz: “Em quem temos a redenção pelo seu sangue, a saber, a remissão dos pecados”. Colossenses 1:14

Para o que teve um encontro pessoal com Jesus, Este não era Deus, mas a imagem Dele. “O qual é a imagem do Deus invisível, o primogênito de toda a criação…”. Colossenses 1:15. Judeu monoteísta como era Paulo jamais colocaria outro deus diante do Pai Eterno, jamais quebraria o Primeiro Mandamento: “Não terás outros deuses diante de mim”.

Em Paulo, a pessoa de Cristo não é rebaixada, porém, ela não ocupa o lugar do Todo Poderoso. Ele reconhece que Cristo é o criador de todas as coisas, materiais e imateriais: “…tudo foi criado por ele e para ele”. Colossenses 1:16. Ele reconhece que todas as coisas existem por causa de Cristo: “…e todas as coisas subsistem por ele”. Colossenses 1:17. Paulo sabia e aceitava que Jesus era o chefe da Igreja de Deus: “E ele é a cabeça, da igreja…”. Colossenses 1:18. Paulo foi ainda mais longe, afirmou que Cristo Jesus, era o mistério que Deus tinha escondido desde todos os séculos: “O mistério que esteve oculto desde todos os séculos, e em todas as gerações, e que agora foi manifesto aos seus santos”. Colossenses 1:26. Jesus Cristo para o apóstolo que se considerava o principal dos pecadores, não era Deus, mas sim o mistério de Deus revelado aos homens: “Para que os seus corações sejam consolados, e estejam unidos em caridade, e enriquecidos na plenitude da inteligência, para o conhecimento do mistério de Deus – Cristo”. Colossenses 2:2.

Em nenhum momento o apóstolo mostrou Cristo como sendo Deus. Então, o que dizer da “plenitude da divindade” no corpo de Cristo? Paulo nos assegurou que essa plenitude, ao contrário do que os trinitarianos dizem, não é inerente, mas, foi outorgada por Deus, o Pai: “Porque foi do agrado do Pai que toda plenitude nele habitasse”. Colossenses 1:19.

Se Jesus Cristo é Deus, então Ele o É de segunda categoria, pois, sua plenitude da divindade não lhe pertence inerentemente.

Elpídio da Cruz Silva.

Compartilhar isso:

Sobre Max Rangel

Servo do Eterno, Casado com Arlete Vieira, Pai de 2 filhas, Analista de Sistemas, Fundador e Colunista do site www.religiaopura.com.br.

Além disso, veja também:

Por que os judeus foram expulsos de vários países?

Relacionado

O Senhor dos Milagres – Um dos melhores filmes infantis que já assisti. Através da animação, que mistura técnicas de movimento em bonecos de argila a recursos de computação gráfica.

Click na imagem para baixar Relacionado

3 comentários

  1. Heráclito Fernandes da Mota

    DEUS SEJA LOUVADO!

    Assino em baixo em favor de tudo o que foi dito!

    ALELUIA!

    GLÓRIA A DEUS!

  2. ESSE É O RELATO FIEL DAS ESCRITURAS.
    FORA DISSO, É ESPECULAÇÃO E VÃS FILOSOFIAS, ACERCA DAS QUAIS CRISTO DISSE: “EM VÃO ME ADORAM ENSINANDO DOUTRINAS QUE SÃO PRECEITOS DE HOMENS” MAT. 15:9; MAR. 7:7.
    O FILHO DE DEUS SE FOSSE DEUS NÃO PODERIA TER OUTRO DEUS DIANTE DE SI.
    PAULO, PEDRO (E O PRÓPRIO CRISTO) CONSIDERAVAM JESUS SEU DEUS E SEU PAI:
    O Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, que é eternamente bendito, sabe que não minto. 2 Coríntios 11:31
    Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai das misericórdias e o Deus de toda a consolação; 2 Coríntios 1:3
    Bendito o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o qual nos abençoou com todas as bênçãos espirituais nos lugares celestiais em Cristo; Efésios 1:3
    Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo que, segundo a sua grande misericórdia, nos gerou de novo para uma viva esperança, pela ressurreição de Jesus Cristo dentre os mortos, 1 Pedro 1:3.

    DEUS ABENÇOE AO IRMÃO ELPÍDIO, AUTOR DA MATÉRIA.
    MARANATA

  3. HAVIA ME ESQUECIDO DE CITAR OUTRA PASSAGEM DO APÓSTOLO PAULO QUE CONFIRMA O ENTENDIMENTO DO IRMÃO ELPÍDIO, QUE TAMBÉM É O NOSSO, HÁ OITO ANOS, DESDE QUE DEUS NOS LIBERTOU DA SERVIDÃO NA IASD POR 41 ANOS: “E conhecer o amor de Cristo, que excede todo o entendimento, para que sejais cheios de toda a plenitude de Deus”. Efésios 3:19.
    ATÉ NÓS, MORTAIS, CRIADOS POR DEUS SOMOS ADMOESTADOS A BUSCAR TAL VIRTUDE DO ALTO (ESTAR CHEIOS DA PLENITUDE DE DEUS) E, SE BUSCARMOS EM CRISTO E CONSEGUIRMOS ISSO, JAMAIS NOS TORNAREMOS DEUS.
    ASSIM CRISTO, O FILHO DE DEUS, MUITO MAIS QUE NÓS CRIATURAS DELE, PODE ESTAR CHEIO DE TODA A PLENITUDE DE DEUS, SEM SER IGUAL A DEUS.

    “Porque todas as coisas (DEUS) sujeitou debaixo de seus pés (DE CRISTO). Mas, quando diz que todas as coisas lhe estão sujeitas, claro está que se excetua aquele (O DEUS ÚNICO E VERDADEIRO, JOÃO 17:3) que lhe sujeitou todas as coisas.
    E, quando todas as coisas lhe (A CRISTO) estiverem sujeitas, então também o mesmo Filho se sujeitará àquele que todas as coisas lhe sujeitou, para que Deus seja tudo em todos”. 1 Coríntios 15:27-28.

    AMÉM, ALELUIA.

Deixe uma resposta