Selco: O caminho entre “vamos proibir eles de falar” para “vamos apagá-los” é rápido…

Uma das questões mais comuns que eu ouço é para onde todos nós estamos indo?

De certa forma, você está no mesmo lugar que eu estava trinta anos atrás, então eu consigo “sentir” o que você está sentindo. Estamos em tempos onde a polarização entre as pessoas é tão forte que você quase consegue sentir o “sangue” no ar. Ao mesmo tempo, existem novas esperanças, novos líderes, novas grandes promessas, mudanças e a expectativa de que novos tempos estão chegando.

Bons tempos novos. Mas não… Isso geralmente é tudo bobeira.

Na minha experiência sempre que há grandes promessas no ar junto com uma polarização forte entre as pessoas isso significa que pessoas comuns (como eu e você) vamos perder um monte e depois só nos deixarão se perguntando “Sobre o que era tudo isso mesmo?” porque é o que sempre aconteceu ao longo da história.

De outras formas o tempo de hoje é um pouco diferente, então há novos fatores envolvidos.

Listas negras

O que você chama de “cancelamento” é algo bastante similar ao que já aconteceu antes. Criar listas negras é um fenômeno que não é nem um pouco novo, a diferença é que hoje vivemos em um mundo onde todos estão online, ligados e ansiosos para receber notícias novas de tudo.

Nós estamos condicionados a procurar por novas informações o tempo todo, manchetes estarrecedoras, novos acontecimentos e pesquisas, mas sequer nos importamos se elas são falsas ou se são repetecos de notícias já transmitidas inúmeras vezes. Para a maioria das pessoas, a coisa mais importante é continuarem “dentro do hype”.

Agora, adicione o fato de que estamos sendo governados pela mídia, e a mídia está sendo governada por quem tem mais poder ou uma agenda mais popular. Em termos curtos, o “cancelamento” foi elevado à perfeição no cenário atual.

O tipo errado de perfeição.

O quão livre é o seu discurso, realmente?

Então, o quão livre é o discurso quando alguém está sempre dizendo para você o que é certo e errado dizer?

  • A liberdade de expressão é realmente falar, escrever e gritar coisas que os outros gostam?
  • Se eu falar algo “errado” eu vou perder meu emprego?
  • Se eu disser algo “feio” serei rotulado como terrorista?

Alguém lembra das aulas de história sobre o crescimento do partido nazista na década de 20 e 30 do século XX? Quando as crianças eram doutrinadas a “entregar” seus pais quando falassem de algo considerado inapropriado aos olhos do partido? Você se lembra para onde toda essa doutrinação eventualmente levou?

Tudo isso pode soar como um exagero para você, MAS algumas vezes o caminho entre “eles estão errados, vamos proibir eles de falarem” e “eles não valem nada, vamos apagá-los” é curto e rápido.

E não se trata apenas da sua opção política ou visão ideológica. Eu acho que a polarização e o medo e a raiva estão naquele nível onde parece que quem governa não é mais tão importante, pois todos eles vão estar levando as coisas para o mesmo caminho.

Essa história foi longe demais.

O que esperar para o futuro

Baseado no que está acontecendo em todo o mundo o que nós vamos ver no futuro próximo é simplesmente um “apocalipse de queima lenta”, onde não há nenhum grande evento que você consegue claramente ver. Na realidade, nós já estamos experimentando esse cenário nos últimos anos, mas pode não ser evidente. Tudo isso porque nós somos os sapos na água que está sendo esquentada devagar.

Nós estamos vivendo na “nova normalidade”, mas não é normal. É meio paradoxal, mas a transferência de um apocalipse de queima lenta para uma crise generalizada provavelmente será causada por algum pequeno evento.

Por exemplo, estamos vivendo em lockdowns, sociedades pesadamente controladas, liberdades sendo restringidas… E isso se tornou normal. Então algum dia, um pequeno evento como um protesto em uma cidade do interior pode fazer o fogo se alastrar como em palha seca.

As pessoas estão no limite, os sistemas estão no limite… Um pequeno empurrão é tudo o que falta para a erupção começar.

O que você deveria fazer?

“Mantenha sua pólvora seca” é um dos clichês que eu nunca gostei muito por ser muito estereotípico, mas finalmente eu acho que ele faz sentido para o momento atual.

Sair do sistema o máximo que você conseguir é algo que eu pesadamente aconselho sempre, mas agora eu enfatizo essa necessidade ainda mais, por que o tempo é curto. E eu não estou dizendo apenas para reduzir sua presença no mundo online, estou falando de reduzir sua dependência do sistema de forma completa.

É melhor tentar fazer isso enquanto o sistema ainda está aqui.

Existe uma tendência crescente do sistema ser cada vez mais opressivo. Pode não ser uma característica marcante onde você vive, mas é uma incontestável tendência global.

É hora de retirar-se do sistema e ser menos dependente dos confortos que ele oferece.

Sobre o Selco:

Selco sobreviveu a guerra dos Balcãs na década de 90 em uma cidade sitiada sem eletricidade, água ou distribuição de comida. Em seus trabalhos online ele nos dá uma visão da realidade da sobrevivência nas situações mais pesadas. Ele avalia o que funciona ou não e conta as lições difíceis que aprendeu, além de nos ensinar a nos preparar hoje. Ele nunca parou de aprender sobre preparação desde a guerra. Independente do que acontecer, as chances são de que você nunca irá experimentar as situações extremas que Selco viveu. Mas você tem a chance de aprender como ele enfrentou a morte por muitos meses.

Texto traduzido e adaptado do site The Organic Prepper.

Sobre Max Rangel

Servo do Eterno, Casado, Pai de 2 filhas, Analista de Sistemas, Fundador e Colunista do site www.religiaopura.com.br.

Além disso, veja também:

Jornalista argentino denuncia crimes do Papa Francisco, apontado como o Anticristo

O documentarista Nicolás Morás (Francisco: El Jesuita, 2020) publicou no vídeo copiado e postado acima …

Isso as Igrejas não mostra: Idosa incluída em postagem do prefeito de Fortaleza morreu com AVC após 3ª dose

[Idosa usada pelo prefeito Sarto Nogueira de Fortaleza para iniciar a campanha de vacinação da …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.