Papa Francisco teme que “profecia dos Simpsons” se cumpra e pede orações para robôs e IA

O Papa Francisco pediu aos fiéis do mundo inteiro para que, durante o mês de novembro, rezem para que o progresso da robótica e da inteligência artificial (IA) possam sempre servir a humanidade.

A mensagem faz parte de uma série de intenções de oração que o pontífice divulga anualmente, e compartilha a cada mês no YouTube para auxiliar os católicos a “aprofundar sua oração diária”, concentrando-se em tópicos específicos. Em setembro, o papa pediu orações para o “compartilhamento dos recursos do planeta”; em agosto, para o “mundo marítimo”; e agora chegou a vez dos robôs e da IA.

Na sua mensagem, o Papa Francisco pediu uma atenção especial para a IA que, segundo ele, está “no centro da mudança histórica que estamos experimentando”. E que não se trata apenas dos benefícios que a robótica pode trazer para o mundo.

Progresso tecnológico e algoritmos

Francisco afirma que nem sempre o progresso tecnológico é sinal de bem-estar para a humanidade, pois, se esse progresso contribuir para aumentar as desigualdades, não poderá ser considerado como um progresso verdadeiro. “Os avanços futuros devem ser orientados para o respeito à dignidade da pessoa”, alerta o papa.

A preocupação com que a tecnologia possa aumentar as divisões sociais já existentes levou o Vaticano assinar no início deste ano, em conjunto com a Microsoft e a IBM, a “Chamada de Roma por Ética de IA”, um documento em que são fixados alguns princípios para orientar a implantação da IA: transparência, inclusão, imparcialidade e confiabilidade.

Mesmo pessoas não religiosas são capazes de reconhecer que, quando se trata de implantar algoritmos, a preocupação do papa faz todo o sentido.

Agora, a última “profecia” dos Simpsons faz mais sentido!

Papa pede orações para que a inteligência artificial ajude a humanidade

Pontífice destacou que o avanço da tecnologia pode ajudar a diminuir a desigualdade no planeta

Por Rodrigo Loureiro — Publicado em: 12/11/2020 às 08h00

O mais recente pedido de orações do Papa Francisco está relacionado com tecnologia. O pontífice pediu que fiéis rezem para que os avanços de tecnologias como inteligência artificial e robótica possam ajudar a diminuir a desigualdade entre os povos. Para ele, as duas tecnologias devem “servir sempre à humanidade”.

Francisco informou que a inteligência artificial está “no centro da mudança histórica que o mundo está experimentando”. Engana-se, assim, quem pensa que a preocupação do líder da Igreja Católica está relacionada com uma possível (e hollywoodiana) rebelião das máquinas. O temor é de que a tecnologia não seja aproveitada para criar um mundo mais igualitário.

A mensagem faz parte de uma série de vídeos que o Vaticano divulga mensalmente em que o Papa Francisco pede orações para determinadas causas. Em setembro, o pontífice pediu que os católicos rezassem pelo compartilhamento de recursos do planeta, enquanto as orações do mês de agosto foram voltadas para a preservação do mundo marinho.

O pedido de oração foi compartilhado no YouTube (e pode ser visto no vídeo abaixo). “Se o progresso tecnológico contribui com o aumento da desigualdade, então ele não é o verdadeiro progresso”, disse. “A robótica pode tornar possível um mundo melhor se estiver associada ao bem comum.”

Esta não foi a primeira vez que o Papa esteve envolvido em questões de tecnologia. Durante o mês de fevereiro deste ano, o pontífice recebeu executivos de empresas como IBM e Microsoft para discutir o desenvolvimento de uma inteligência artificial mais justa e confiável e que não reproduza preconceitos humanos.

Fonte: https://exame.com/tecnologia/papa-pede-oracoes-para-que-a-inteligencia-artificial-ajude-a-humanidade/

Sobre Max Rangel

Servo do Eterno, Casado, Pai de 2 filhas, Analista de Sistemas, Fundador e Colunista do site www.religiaopura.com.br.

Além disso, veja também:

60 anos de paixão adventista pelo Vaticano: Arthur S. Maxwell, quem diria!?

De acordo com a documentação do livro “Half a Century of Apostasy: The New Theology’s …

“Patrulheiro da Saúde” (Health Ranger) realiza análise microscópica ao vivo de coágulos de “bioestrutura projetada” coletados de vítimas falecidas de vacina covid

Por Ethan Huff As únicas pessoas que restaram para falar pelos que morreram devido à …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.