Iníco / Noticias Adventistas / CPB publicou artigo de autor que chamou adventistas de “burros”…

CPB publicou artigo de autor que chamou adventistas de “burros”…

“Não, não disse que são burros. Disse que têm baixa escolaridade… Aliás, esse dado consta de uma pesquisa da própria Organização,” essa deve ser a justificativa apresentada pelo mestre em Ciências pela Universidade Estadual de Maringá, Everton Fernando Alves, autor do artigo A IASD e a divulgação do criacionismo: onde está o problema?, em que realça a escolaridade “bem baixa” do adventista brasileiro, como um dos fatores responsáveis pelo suposto desinteresse de membros e líderes da denominação em relação ao tema do criacionismo. O artigo foi deletado alguns dias depois do blog Criacionismo, de Michelson Borges.

Contudo, em junho de 2017, a Revista Adventista já havia publicado o artigo “Entre Milhares e Bilhões de Anos”, em que Everton Alves propõe que seja aceita como interpretação oficial de Gênesis 1 a ideia de que a criação da Terra tenha ocorrido em dois estágios, para que assim o relato bíblico possa ser ajustado ao que diz a Ciência em nossos dias.

Assim, Everton e outros supostos cientistas e teólogos adventistas sugerem existir um “intervalo passivo” entre os dois primeiros versículos do livro de Gênesis. Evidentemente, o objetivo deles é acomodar a narrativa bíblica com a teoria evolucionista que exige pelo menos 4,5 bilhões de anos entre o suposto Big Bang e o surgimento da vida na Terra. Além disso, negam que o sol, a lua e as estrelas tenham sido criados no quarto dia da semana da Criação, como diz a B´´iblia.

Propositalmente desconsideram também o fato de que o relato de Gênesis 2 seja uma continuação de Gênesis 1, uma vez que não havia originalmente essa divisão de capítulos e versículos. Portanto, Gênesis 1:31 e Gênesis 2:1-4 e seguintes formam um único bloco narrativo:

“E viu Deus tudo quanto tinha feito, e eis que era muito bom; e foi a tarde e a manhã, o dia sexto. Assim os céus, a terra e todo o seu exército foram acabados. E havendo Deus acabado no dia sétimo a obra que fizera, descansou no sétimo dia de toda a sua obra, que tinha feito. E abençoou Deus o dia sétimo, e o santificou; porque nele descansou de toda a sua obra que Deus criara e fizera. Estas são as origens dos céus e da terra, quando foram criados; no dia em que o Senhor Deus fez a terra e os céus…” Gênesis 1:31 e 2:1-4.

Por incrível que pareça, contrariam até mesmo o que foi escrito pelo próprio Deus nas tábuas de pedra do Decálogo, entregues a Moisés:

“Porque em seis dias fez o Senhor os céus e a terra, o mar e tudo que neles há, e ao sétimo dia descansou…” Êxodo 20:11.

Apesar disso, não é a primeira vez que artigos dessa natureza são publicados pela Casa Publicadora Brasileira, em nosso órgão denominacional oficial. Confira abaixo, uma reprodução completa do artigo em questão, mas tenha cuidado em não se deixar enganar pela suposta erudição e lógica científica do articulista que nos vê, em nossa maioria, como gente ignorante e de escolaridade bem baixa.

Compare o que diz claramente a Bíblia nesses dois primeiros capítulos de Gênesis com as mirabolantes explicações de mais esse discípulo de Michelson Borges, que aposta em nossa suposta “burrice” para nos convencer de que a Bíblia está errada e precisa de uma ajudinha da Ciência para ser aceita como verdade.

Você pode também evitar perder seu tempo com essa teoria antibíblica do “intervalo passivo” e clicar neste link para ler um artigo que mereceria mas jamais será publicado pela Revista Adventista: As Oposições da Falsamente Chamada Ciência: Teorias Fraudulentas Usadas Para Enganar a Humanidade.

Clique aqui e faça o download desta página da Revista Adventista em PDF.

Clique aqui e faça o download desta página da Revista Adventista em PDF.

Clique aqui e faça o download desta página da Revista Adventista em PDF.

Clique aqui e faça o download desta página da Revista Adventista em PDF.

Sobre Max Rangel

Servo do Eterno, Casado com Arlete Vieira, Pai de 2 filhas, Analista de Sistemas, Fundador e Colunista do site www.religiaopura.com.br.

Além disso, veja também:

Pastor evangélico promove venda de livro contra Ellen G. White

Além das acusações de plágio contra a autora adventista, nosso vigilante apologista também percebeu que …

22 de Outubro de 1.844 – YomKippur Caraíta Resposta ao Sérgio Monteiro

    Relacionado

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.